• Listar posts
  • Feeds - RSS
Post

Leonardo di Caprio cotado para dar vida a Alan Turing

Postado por Das Übergeek em 13/10/2011 21:00
Blog: ÜberGeek

Karmômetro (?)

tende a neutro
adicionar comentário Comment

Ator pode interpretar gênio matemático que criou o conceito de computador moderno.

Por Guilherme Abati
com Henrique Cesar Ulbrich

A vida do gênio matemático e e cientista da computação Alan Turing pode estar destinada a virar filme em Hollywood, e com Leonardo DiCaprio no papel principal.

O filme, batizado de The Imitation Game, já está sendo produzido pela Warner Brothers, que divulgou as informações em seu site. Segundo o britânico The Guardian, o escritor Graham Moore está à frente do roteiro do longa, baseado no livro Alan Turing: The Enigma, de Andrew Hodges. Ron Howard, diretor de Uma Mente Brilhante, a cinebiografia do também genial John Nash, está cotado para assumir a direção do filme.

Apesar do anúncio da Warner, nenhum dos artistas citados estão oficialmente confirmados no projeto até o momento. De acordo com o site Deadline, tanto DiCaprio quanto Howard se ofereceram para a empreitada, mas nenhum acordo foi divulgado ainda. De todo modo, DiCaprio está ocupado com a refilmagem de The Great Gatsby, portanto as agendas podem não bater.

Quem foi Alan Turing

O matemático, criptógrafo, químico e cientista da computação inglês Alan Turing foi o criador de inúmeros princípios e modelos que hoje são empregados nas mais diversas áreas da informática e da ciência. Seu trabalho começou nos anos 30. Ele é considerado um dos maiores nomes (senão o maior) da computaçao de todos os tempos.

Por exemplo, absolutamente todos os computadores que usamos hoje, sem exceção, são baseados na máquina de Turing, também conhecida como “computador universal” porque pode ser programada para resolver qualquer problema.

Pode parecer pouca coisa mas, antes de Turing, fabricava-se monstrengos eletromecânicos que resolviam um e apenas um problema – por exemplo, cálculo de balística de mísseis, ou uma simples soma. Se fosse necessário resolver outro problema – por exemplo, fazer uma multiplicação – era necessário constuir outro computador. O conceito de uma máquina só que poderia ser programada para resolver qualquer tipo de problema era algo avançadíssimo.

A máquina de Turing, idealizada em 1936, era apenas teórica – e mesmo sendo apenas um conceito abstrato, todos os computadores hoje funcionam exatamente como uma máquina de Turing. Já naquela época, o conceito de computador universal deixava vislumbrar um futuro em que as máquinas fossem inteligentes e consientes – coisa que ainda hoje é perseguida pela turma da Inteligência Artificial.

Outro conceito em que Turing teve papel importante foi o de algoritmo: uma forma de organizar as ações para que o computador possa executá-las. Todos os programas de computador que usamos hoje eque usaremos no futuro são criados tomando como base algum algoritmo.

Apesar de sua importância, e de seu papel decisivo na Segunda Guerra Mundial – Turing era também criptógrafo e trabalhou na decifragem de mensagens alemãs com o computador Colossus, em grande parte idealizado por ele -, foi processado criminalmente no Reino Unido por sua homossexualidade e cometeu suicídio em 1954, pouco antes de completar 42 anos.

Para isso, comeu uma maçã embebida em cianeto, em homenagem a seu filme predileto: Branca de Neve, da Disney. Reza a lenda (nunca confirmada) que Steve Jobs deu o nome de Apple à sua empresa em homenagem a dois cientistas que ele admirava: Isaac Newton e Alan Turing.


Tags:

Se você gostou,
seja um GEEK!

participe

Comentários Comment

  1. comentário de Rose Nunes

    Karmômetro (?)

    tende a neutro

    Até que enfim, alguma justiça ao homem mais injustiçado da História recente. Não sei se eu daria o papel ao Leo (tanto ator inglês brilhante na idade certa!), nada contra o cara…mas americano para fazer sotaque inglês só a Gwyneth Paltrow e olhe lá. Mas enfim, o importante é que agora o Turing vai ter depois da morte o que ele não teve em vida.

    Postado por Rose Nunes em 19/10/2011 20:19

  2. comentário de Rose Nunes

    Karmômetro (?)

    tende a neutro

    Até que enfim, alguma justiça ao homem mais injustiçado da História recente. Não sei se eu daria o papel ao Leo (tanto ator inglês brilhante na idade certa!), nada contra o cara…mas americano para fazer sotaque inglês só a Gwyneth Paltrow e olhe lá. Mas enfim, o importante é que agora o Turing vai ter depois da morte o que ele não teve em vida.

    Postado por Rose Nunes em 19/10/2011 20:28

Postar um novo comentário

Não preencha este campo Ele é um mecanismo para evitarmos spams. Se vc. está vendo este texto, seu browser provavelmente não interpreta corretamente CSS. De qualquer forma, apenas deixe este campo em branco e siga livre para comentar.

Ajuda com a formatação


voltar ao início